Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de uma dESarrumada

A espalhar o #cagandoeandando por essa internet fora desde 2015.

Diário de uma dESarrumada

A espalhar o #cagandoeandando por essa internet fora desde 2015.

12
Jul18

Dificuldade em tomar decisões? Eu perguntei e a Dra Carta respondeu!

Se ainda não viram este post, vejam!

E se tiverem perguntas para fazer à Dra Carta não demorem muito tempo! Ela é muito simpática e consegue ajudar mesmo.

 

Obrigada pela resposta Uma carta fora do baralho

 

Continua o trabalho excelente que tens feito!

 

Beijo 

08
Mai18

Já se sabe que a malta gosta é de ver desgraças...

... é parar em plena auto-estrada para ver um acidente de carro;

... é fazer um aglomerado de gente à volta da vítima se por acaso alguém tem o azar de desmaiar num concerto;

... é ir ver um incêndio, de longe, muito longe, para se poder dizer quão mal aquilo estava (ao menos levem água aos bombeiros);

... é ficar a olhar para uma pessoa em cadeira de rodas na rua e fazer a questão mental "o que lhe terá acontecido?";

... é parar de jantar só para ver aquela notícia na televisão sobre outro atentado.

 

 

Todos gostam de ver desgraças, mesmo que não queiram admitir. Ainda que esse momento não proporcione prazer nenhum, ainda que haja aquela sensação de peso na barriga e garganta apertada, a malta pára e fica a olhar.

 

Por isso é que este post aqui do barraco foi destacado pelo SAPO. 

 

Porque a minha vida amorosa neste momento parece um acidente em que dois comboios colidiram de frente um com o outro. Já há 3 anos que assim é, e os posts das minhas breakups estiveram sempre entre os mais lidos. A malta fica especada a olhar, quer seja na vida real ou num blog! E vai voltando para ver as outras desgraças que vão acontecendo.

 

Mas eu gosto de vocês na mesma. E faço este post para dizer que são sempre bem-vindos a este cantinho desarrumado. 

Tirem os sapatos e instalem-se confortavelmente que isto ainda agora começou!

 

Beijo na bunda! 

 

29
Abr18

Aventuras num hostel em Lisboa.

Depois de uns dias impecáveis em Aveiro lá fui eu rumo a Lisboa. 

 

"Tirem-me deste filme!!!" foi o que a minha mente gritou bem alto depois de um lanche e jantar com os doidos varridos aqui da blogosfera! TriptofanoDavid e Tatiana

Fátima e Coiso, abraço para vocês que estiveram ausentes, fica para uma próxima!

Um beijinho especial para o cara-metade (quando é que ele faz um blog, mesmo?). Sim, Triptofano, o teu cara-metade merece uma linha especial neste post porque foi o condutor e tu sabes que nem eu e tu gostamos lá muito dessa coisa chamada "conduzir"!  E era preciso que me pagassem uma boa nota preta para eu conduzir na capital de qualquer país!

 

Chegada ao hostel fiquei, como é óbvio, no beliche de cima! Num quarto com 10 pessoas, entre as quais havia muitos gajos (não vos consigo dizer a percentagem exacta) mas sei que praí 3 ressonavam e passaram a noite toda a fazer um concurso secreto de "vamos lá ver quem ronca mais num menor período de tempo!"

 

E hoje de manhã ainda meia bêbada de sono ia a descer aquela traquitana e dei um passo em falso num degrau, quase que me esbardalhava cá em baixo, no chão do quarto. O que vale é que só fiz um barulhão enorme e acordei toda a gente, podia ter sido pior! Foi a vingança pelos roncos!

 

Entretanto estou aqui a escrever isto na sala do hostel, que fica no caminho para a casa-de-banho, e já passaram uns quantos jeitosões em boxers com uma toalha na mão, a maior parte brasileiros (já vos falei da minha vontade de um dia provar um bom salpicão brasileiro?). Será que precisam de ajuda para esfregar qualquer uma das suas partes anatómicas? Quando digo qualquer coisa, é mesmo qualquer coisa. Eu cá não sou esquisita e gosto de pessoas limpinhas.

02
Jan17

Dia 2.

E o segundo dia do ano está a acabar. Já não sabia qual era a sensação de acordar na minha cama, ver os meus pais ao acordar e antes de deitar. Sabe bem. 


Hoje vi a ideia do diário de gratidão, decidi fazê-lo aqui no blog, de vez em quando, quando o que tiver a agradecer transbordar os limites do meu ser. Hoje é um desses dias, e mesmo assim, tenho pouco a agradecer, mas para mim é tanto. Tanto.


 


Obrigada, pelos meus pais.


Obrigada, pelo meu irmão.


Obrigada, por ele.


 


Tudo tão simples, tudo tão meu. 

15
Dez16

Eu tentei...

... ser discreta quando no meu último post falei sobre sexo. Mas "falhei" redondamente e agora o post está na página de destaques do SAPO.


 


Espero que o moço citado não descubra isto... porque com a quantidade de coisas que já fui desvendando neste blog sobre mim, lá se vai o anonimato. É que não é por nada, mas os meus pais se lerem isto deserdam-me!!!! 



Vá, resumindo e para não ser muito chata que a noite já vai longa: obrigada SAPO, é sempre bom ter um destaque! 

22
Jun16

Um grande obrigado aos 30 valentes que passam por aqui todos os dias.

Estive a ver as estatísticas aqui do barraco. Sim, às vezes acontece-me querer ser uma blogger como deve ser, daquelas que verificam as "stats", os "followers" e as "views". 
Posso concluir que: as visualizações sobem quando meto um post novo, devem ser os desgraçados que subscreveram de volta, e que agora têm que levar com os meus devaneios nas suas Leituras.


Lamento malta.

Mas...


... reparei que nos dias em que não posto nada, nadinha de nada, há sempre sensivelmente 30 visualizações diárias. Deduzo portanto, que sejam 30 pessoas que verificam aqui o barraco diariamente para ver se há novidades (se não for não me digam nada, não me estraguem a felicidade!).


 


A esses 30 corajosos agradeço a paciência.

Passem sempre.

Beijos na bunda!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O melhor comentário ganha um biscoito!

Diário em fotos

Desarrumações antigas

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D