Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de uma dESarrumada

A espalhar o #cagandoeandando por essa internet fora desde 2015.

Diário de uma dESarrumada

A espalhar o #cagandoeandando por essa internet fora desde 2015.

24
Set18

Cartões bancários.

O meu banco está a fazer uma campanha fantástica de um cartão de débito que permite fazer compras e levantamentos no estrangeiro (fora da zona euro) sem pagar as taxas do banco. Paga-se só as taxas de conversão, o normal. Isto para quem tem menos de 30 anos. Antes era só para menores de 25. Respirei de alívio, com 27 anos estou dentro. Corri para o banco.vPor causa da viagem à Austrália que vou fazer em Janeiro... aderi. Sou agora a feliz detentora de 4 cartões bancários, dois portugueses e dois franceses. Quem dá mais? 

21
Set18

Ao telefone com a minha mãe #6

No domingo passado a minha mãe fez 50 anos. Um número tão redondinho merecia um carinho especial e por isso decidi enviar-lhe um postal todo XPTO com o relevo de uma estrela dourada na capa, umas linhas douradas e azuis todas fofas e chiques e uma frase linda e bem desenhada a dizer "Parabéns. És a minha estrela".

Escrevi sobre o quanto ela significa para mim e o quanto lhe agradeço ela estar nesta vida a aturar-me com muito amor e com taaaanta paciência.

 

Na terça-feira, quando finalmente o postal chegou lá - sim, faço de propósito para as minhas prendas chegarem depois da data porque sou um bocado supersticiosa e não quero desejar o aniversário antes - ela telefonou-me com a seguinte conversa:

 

Mãe: Ai filha que postal tão lindo! Gostei muito da mensagem que escreveste! Sinto-me mesmo uma mãe muito especial.

Eu: Obrigada, ainda bem que gostou. Eu só enviei uma estrela para outra estrela.

Mãe: Mas olha, o pai quando viu o postal disse que te queria falar... Vou passá-lo, espera aí.

... 

Pai: Estou!?! (diz ele aos gritos para ter a certeza que o som chega cá bem a França sem sequer precisar do telefone)

Eu: Estou pai? Que foi?

Pai: Olha isto é tudo muito bonito, a desejares os parabéns à tua mãe com um postal todo chique, mas enfiares lá dentro 50€ por ela te aturar tanto é que nada!

 

dESarrumada, 

a ser explorada desde 1991

 

 

 

Outros telefonemas épicos:

#1 A segurar a vela

#2 O panaché 

3# O estetoscópio 

4# O botão 

5# O cavalo manco

 

18
Set18

A minha vaca preferida | Chocolate Milka

IMG_20180918_193917.jpg

 

Unicórnios desarrumados mais fofos, quem me segue já deve com certeza saber alguns factos sobre mim:

 

1) Sou uma forreta do pior

2) Sou viciada em chocolate

3) O meu chocolate preferido é o belo do Milka!

4) A seguir aos unicórnios, a vaca violeta é o meu animal preferido

5) Em terceiro lugar vêm os gatos de 4 patas

6) Ando a fazer greve de gatos de 2 patas

 

Tudo isto para vos dizer algo extremamente importante. Comprei estas belezuras numa ganda promoção, 6 pacotes a 3,39€! E não, não venham dizer que arranjaram mais barato que rogo-vos já uma praga que até vos nasce um furúnculo no rego do rabo!

 

E agora vocês dizem em uníssono: "Oh dESarrumada, tu falaste em 6 chocolates mas na foto só aparecem 5! Cadê o sexto?"

 

Lembram-se do facto nº 2 sobre mim?

O sexto chocolate comi-o no carro ainda antes de chegar a casa.

Típico. Não tenho emenda. 

16
Set18

Vamos falar sobre dinheiro?

Sei que este é um tema pouco consensual, talvez um pouco (bastante) sensível, mas  tenho discutido bastante sobre isto com a H. e queria saber qual é a opinião dos meus queridos leitores!

 

Há ou não há "metas" de valores a ter na poupança para determinadas idades?

 

Por exemplo, aos 30 devo ter X na poupança se for solteira, Y se estiver com alguém, Z se já tiver filhos?

 

Outra questão, acreditam que se deve poupar uma certa percentagem do salário? (Os especialistas indicam que a % certa deveria ser de pelo menos 10% antes dos 30, e que devia ir subindo com a idade, abrandando só quando houvesse filhos). Eu faço isto da percentagem (nem todos os meses consigo) mas há quem meta de lado o que sobra no final do mês, sendo pouco, muito ou nada.

 

Qual a vossa opinião sobre isto tudo... metas e valores a "respeitar" relativamente à idade da pessoa, filhos e percentagem do salário?

29
Mai18

Eu a ficar rica.

Se eu fosse tão poupada nas duas primeiras semanas do mês como sou durante as duas últimas, por esta altura já estaria a caminho da riqueza. Como não tem sido o caso, vou ficar por aqui a esgravatar as prateleiras do frigorífico à procura de algo para comer hoje ao jantar. Por enquanto encontrei dois ovos, um tomate e uma cenoura assim metade mole, metade podre. Podia ser pior. Que seja então uma omelete de legumes para o jantar. 

 

ficar_rico.jpg

 

04
Mai18

Dinheiro = amor

As coisas com o S. não resultaram, muito por escolha minha, o resto por escolha dele.

Quando no início de uma relação alguém te diz que há certas coisas sobre a sua vida profissional que nunca te vai contar... não fiques com medo de ser julgada se saires de fininho: corre com quantas pernas tiveres! Até sair um pulmão cá para fora ou algo do género.

 

Conheço uma moça que tinha dado tudo para conhecer um rapaz assim riquíssimo e cheio de "amor" para dar. Mas eu não procuro este tipo de amor comprado. Pessoas tão vazias que a única coisa que têm é uma conta cheia no banco.

 

Quando alguém me diz na esplanada de um restaurante:

 

"Olha aquela ali, levantou-se para ir buscar o casaco do marido ao carro. Tu podias ser assim comigo."

 

Eu não sou fria, atenção. Mas nesse dia estava com muito frio porque não levei casaco, deixei no carro, ele tinha levado o dele. E nem se apercebeu disso quando falou. Naquela noite específica, quem estava com frio era eu. E não só o marido da outra senhora.

 

Quem é que tem que fazer o quê, numa relação, afinal? Pergunta difícil de responder. Afinal uma relação faz-se a dois, em simultâneo, sem sistema de trocas e transacções, ou estarei enganada? Aos olhos de alguns que só pensam em receber, os meus argumentos não têm peso nenhum, tal como os dele não tiveram para mim.

 

Eu cá não gosto do dá-cá-toma-lá, ele parecia gostar. Mas quando um tem muito mais para dar que o outro, a coisa está fadada ao insucesso, seja dinheiro ou amor. Cada um dá o que tem.

 

Quando acabas e alguém te diz: "Olha e a gasolina toda que gastei naquelas duas vezes que fomos passear? Quem me devolve esse dinheiro?"

 

Pois. Cada um dá o que tem, claramente alguns têm mais para dar que outros. E não estou a falar de dinheiro no banco, que esse ele tinha muito. Mas eu queria dar amor e ele só tinha dinheiro.

 

Há muita coisa que o dinheiro pode comprar. Disso não tenho dúvidas nem nunca terei.

 

Mas o dinheiro não compra amor, pelo menos por enquanto, muito menos o meu.

 

05
Mar18

Deixa de ser forreta moça... eu e os ovos.

Costumo comprar os ovos mais baratos e reles da prateleira do supermercado... costumo pagar 0,99€ pour 12 ovos. Mas ando numa de organizar a minha situação hormonal (largar a pílula foi o melhor que fiz na vida, by the way!) e decidi ter este tipo de aspectos mais em conta. Comprar carne e peixe de melhor qualidade, entre os legumes e frutas mais ricos em água, tentar comprar os biológicos, e reduzir a quantidade de químicos que meto na pele (cremes, perfumes, shampoo, larguei o condicionador, detergente da roupa, etc).

 

Isto já dura há algum tempo mas desta vez foi, finalmente, a vez dos ovos. Admito que me custa dar muito dinheiro por ovos, porque é algo que como imenso! No entanto, comecei a pensar ao contrário... "dESarrumada, como é algo que comes muito, é precisamente isso que tens que comprar de melhor qualidade! Deixa de ser otária!"

 

Pois bem, comprei o raio dos ovos a quase 5€ a dúzia... e não é que todo um novo mundo se abriu para mim?!?

 

As gemas dos ovos podem ser assim tão cor de laranja?

 

Mas que sabor bom é este?

 

Oh meu deus, estas panquecas / banana bread / ovos cozidos, estão divinais!!!

 

 

Nisto, pergunto para mim própria, parvinha, porque é que não comprei ovos de qualidade superior mais cedo???

 

A lição final deste post é dizer-vos, se há algo que comem mesmo muito, quase todos os dias, tentem comprar a melhor qualidade possível, a carteira vai chorar (parecendo que não este é um gasto de mais de 24€ mensais na minha vida) mas a saúde e o corpo agradecem!

30
Jan18

Este vídeo deixou-me a pensar...

... será que uma pessoa só vive com muitas despesas e angústias porque quer? Será que querendo menos e ajustando as expectativas se consegue ter uma vida mais simples mas muito satisfatória? Ando a divagar muito nestas questões há meses e meses, de vez em quando bate a dúvida... Às vezes a frase "I make myself rich by making my wants few" de Henry David Thoreau faz todo o sentido para mim. Já ajustei muitas coisas na minha vida, mas sinto que ainda falta fazer mais, muito mais.

 

 

 

24
Jan18

Sexo an(u)al, desta vez com a electricidade e a água.

Chegou a factura da luz. De Março de 2017 a metade de Janeiro de 2018 paguei um total de 262€. O que me fode toda é que desta quantia toda só 88€ é que foram consumo de electricidade. O resto são IVA's, taxas, adesões e outras punhetas que tais. Só me enrabam. E não é daquela maneira boa. Já agora, alguém que mande vir para aqui 1kg de lubrificante que os acertos da água também devem estar a chegar e eu andei com uma fuga no sifão da sanita e lavatório durante mais de 6 meses.

19
Dez17

Culpa e dinheiro.

Algo com que tenho lidado ultimamente... Já alguma vez fizeram uma grande asneira com dinheiro em que só se tenham apercebido mais tarde?

Aquela sensação de: "se não tivesse feito isto naquela época ou acolotro completamente desnecessário com aquele dinheiro, agora poderia ter muito mais de lado e seguir a vida com outros planos..."

 

Como lidam com a culpa?

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O melhor comentário ganha um biscoito!

Diário em fotos

Desarrumações antigas

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D