Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de uma desarrumada

. desarrumações . emigração . humor parvo . lifestyle . badalhoquices . coisas de gaja .

Diário de uma desarrumada

. desarrumações . emigração . humor parvo . lifestyle . badalhoquices . coisas de gaja .

20
Dez17

O passaporte chegou.

Recebi o meu passaporte. Nele vem escrita a frase de Luís de Camões "Esta é a ditosa pátria minha amada". Isto fez-me pensar que muitas vezes os portugueses associam o seu país à palavra amor. E não vejo muita gente de outros países a fazer o mesmo.

 

Tenho colegas de várias nacionalidades, nunca ouvi nenhum dizer que quer voltar para o seu país por amor. Alguns dizem que é pela família, outros dizem que é pelos amigos, poucos dizem que é por amor, só. Não sei se me faço entender.

 

No outro dia em Paris conheci uma americana, andava a fazer uma viagem sozinha na Europa e a visitar vários países. Quando ela começou a falar da viagem ainda não sabia que eu era portuguesa. Atentem no que ela me disse. Em inglês ela lá me explicou que estava a achar Paris linda, as luzes, os monumentos, tudo, que também tinha apreciado bastante estar em Espanha. Mas que a cidade preferida dela tinha sido Lisboa, e rematou dizendo "I love Portugal, if I could I would live there".

 

E foi isto. Num primeiro instante ela não descreveu os monumentos, não falou do clima, da comida ou das pessoas. Como acabou por fazer depois quando soube que eu era portuguesa. Antes de saber o que quer que fosse ela disse de forma espontânea "Eu amo Portugal".

 

E é isto... o que é que este país tem que nos faz amá-lo tanto? Porque é que sinto que o amor por Portugal cresce na parte de dentro das pessoas de forma irracional, em vez de entrar calmamente com argumentos bem pensados e racionalizados? Falei recentemente com um casal de franceses reformados que vai mudar-se de armas e bagagens para Portugal. E quanto tempo estiveram em Portugal antes de tomar a decisão? Uma semana. Pois é meus caros, uma semana chegou para tomarem uma das maiores decisões da vida deles.

 

Quando se gosta de Portugal, gosta-se porque sim. É amor à primeira vista. E isso para mim é motivo mais do que suficiente.

 

A precisar de recarregar baterias. Faltam 2 dias.

 

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O melhor comentário ganha um biscoito!

Diário em fotos aqui:

Follow

Desarrumações antigas

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D