Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de uma desarrumada

. desarrumações . emigração . humor parvo . lifestyle . badalhoquices . coisas de gaja .

Diário de uma desarrumada

. desarrumações . emigração . humor parvo . lifestyle . badalhoquices . coisas de gaja .

26
Mai18

E se o universo tiver algo melhor preparado para ti?

Quem me vai seguindo regularmente sabe que sofro bastante com ansiedade e que ando a tentar controlar melhor esse aspecto da minha vida.

 

Fisicamente tenho andado melhor, sinto menos aquele aperto no peito, falta de ar e reviravolta na barriga. Mas os pensamentos em loop, esses ainda não consegui livrar-me deles. Começa com uma coisinha parva do dia-a-dia, e vai aumentando qual bola de neve, até estar a questionar-me sobre todas as minhas decisões de vida e achar que decidi tudo mal e a minha vida vai de mal a pior.

 

O que me tem ajudado é dizer "basta" antes que os pensamentos saiam do campo "o que aconteceu hoje" e passem para o campo "o que aconteceu ou vai acontecer a minha vida toda".

 

Isto tem ajudado. Como faço para sair do loop? Vou ver vídeos, ver uma serie, fazer desporto, ligar à minha mãe, ler um livro alegre. Tudo vale nesses momentos em que o mais importante é "quebrar" o ciclo e levar o pensamento para o "agora". Cheguei também à conclusão de que muita da minha frustração é porque a vida não tem correspondido às expectativas e ideais que criei para ela... mas... e se a vida tem algo de muito melhor planeado para mim? E se, ao querer tanto "aquela" coisa, não estou a deixar que a vida me traga "outra" coisa, que até me poderia deixar mais feliz?

 

Dou um exemplo parvo, mas que já me aconteceu. Às vezes, antes de irmos a um restaurante, passamos o dia todo a pensar na pizza quatro queijos que vamos pedir. Porque achamos que naquele dia é mesmo aquilo que nos vai cair bem. Chegamos lá, pedimos o raio da pizza sem nem sequer olhar para o menu e ver as outras opções. Depois, já com o pedido feito, olhamos para a sugestão do dia e vemos que, nesse dia, havia pizza com ananás disponível, o que não costuma haver. Ora bem, a pizza quatro queijos passa de repente a saber menos bem... estávamos tão convencidos que era aquilo que queríamos que nem deixámos a porta aberta para o ananás refrescar a nossa vida.

 

O que acontece na vida é que muitas das vezes nem chegamos a saber que a pizza com ananás poderia ter existido. Estávamos tão focados à procura da pizza com queijo que nem olhámos à nossa volta. Não sei se consegui explicar bem o exemplo, mas isto na minha cabeça fez muito sentido, juro.

 

No outro dia, estava a ver um vídeo da  Paula Abreuyoutuber brasileira que aborda muito o tema da lei da atracção - e ela falava sobre a especificidade dos nossos pedidos. Afinal, ser específico nos nossos desejos ajuda ou atrapalha?

 

Podia fazer um resumo do vídeo. Mas acho que deixar aqui o vídeo para vocês verem com os vossos próprios olhos vai ajudar mais. Fiquei cansada com aquele raciocínio rebuscado para o exemplo da pizza e, para além disso, esta conversa toda deu-me fome. 

 

 

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O melhor comentário ganha um biscoito!

Diário em fotos aqui:

Follow

Desarrumações antigas

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D