Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de uma desarrumada

Apostadinha em transformar isto num blog sério, mas não prometo nada.

Diário de uma desarrumada

Apostadinha em transformar isto num blog sério, mas não prometo nada.

28
Jul17

Para a culpa.

Culpa. Porque tinhas que estar tão presente na minha vida? Porque tinhas que aparecer nos piores momentos? Às vezes tento evitar que tu chegues, tento ser alguém melhor. Tento ser a melhor versão de mim própria, um conceito tão badalado por esse mundo fora ultimamente.

Ah e tal, muitos sonhavam ter o que tu já tens. Sim, eu sei, mas isso não me ajuda a evitar sentir-me mal por querer mais.

Ah e tal, há crianças a morrer à fome em África e tu a sentires-te mal porque comeste um chocolate inteiro. Sim, eu sei, mas isso não tira a culpa que sinto por não conseguir controlar-me.

Ah e tal, muitos só queriam um telhado por cima das cabeças onde dormem e tu a queixares-te por estares onde estás. Sim, eu sei, mas não consigo evitar sentir que talvez deva voltar para outro lugar.

Culpa, mas que ganda cabra que tu me saíste. Eu aqui a sentir-me mal e tanta gente a meter-se em barcos para fugir da guerra. Sou uma privilegiada é o que sou, mas sinto-me culpada porque, apesar de tudo, passo mais de metade do meu tempo a ser infeliz.

 

9 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Diário em fotos

Leituras

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D