Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de uma desarrumada

Bom ano novo! Eu já estou a pensar no que vou comer no Natal de 2018...

28
Jul17

Para a culpa.

Culpa. Porque tinhas que estar tão presente na minha vida? Porque tinhas que aparecer nos piores momentos? Às vezes tento evitar que tu chegues, tento ser alguém melhor. Tento ser a melhor versão de mim própria, um conceito tão badalado por esse mundo fora ultimamente.

Ah e tal, muitos sonhavam ter o que tu já tens. Sim, eu sei, mas isso não me ajuda a evitar sentir-me mal por querer mais.

Ah e tal, há crianças a morrer à fome em África e tu a sentires-te mal porque comeste um chocolate inteiro. Sim, eu sei, mas isso não tira a culpa que sinto por não conseguir controlar-me.

Ah e tal, muitos só queriam um telhado por cima das cabeças onde dormem e tu a queixares-te por estares onde estás. Sim, eu sei, mas não consigo evitar sentir que talvez deva voltar para outro lugar.

Culpa, mas que ganda cabra que tu me saíste. Eu aqui a sentir-me mal e tanta gente a meter-se em barcos para fugir da guerra. Sou uma privilegiada é o que sou, mas sinto-me culpada porque, apesar de tudo, passo mais de metade do meu tempo a ser infeliz.

 

9 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Diário em fotos

Leituras

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D